Isto é só uma fase. Mas e daí?

PHASEDecidi escrever este post como um manifesto à tão conhecida frase “Isto é só uma fase” e ao estigma em torno dela.

O intuito deste texto não é apenas se referir a orientações sexuais, embora seja inevitável tomar como referência a imagem do senhor ao lado. Em tradução livre: “82 anos (e nove meses) sendo GAY! Mas talvez seja apenas uma fase a qual eu esteja passando.” Como protesto a um sistema heteronormativo que busca invalidar as relações homossexuais, tomando-as apenas como fases, soa adequado. Mas, o que muitas pessoas, incluindo homossexuais, parecem esquecer, é que fase não é e nunca foi sinônimo de “ruim”.

(mais…)

Continuar lendo Isto é só uma fase. Mas e daí?

“O que você quer ser quando crescer?”

Boa pergunta.

Na verdade, minha resposta para essa pergunta trata-se de outro questionamento. O meu pai sempre me diz para não responder uma pergunta com outra pergunta, mas neste caso, pelo menos para mim, é inevitável.

Nós realmente paramos de crescer? Intelectualmente falando, é claro.
(mais…)

Continuar lendo “O que você quer ser quando crescer?”

Sobre vegetarianismo e senso comum

Vegetarianismo é um assunto polêmico. Embora pouco discutido, gera estresse e brigas por apenas um motivo: falta de informação de ambas as partes. Nesse post, espero esclarecer todas as minhas opiniões sobre esse assunto, o qual sou questionada diariamente.

A carne foi essencial para o desenvolvimento humano. Durante séculos, seu valor nutritivo melhorou a saúde da população. Atualmente, sua necessidade na alimentação está decaindo. É possível viver ingerindo proteínas de origem vegetal. Embora existam algumas pessoas cujo tipo sanguíneo necessite de mais proteínas e ferro, encontrados em abundância na carne vermelha, não é necessário consumir alimentos de origem animal todos os dias.

Há tempos, a carne deixou de ser um alimento realmente necessário e tornou-se puro prazer alimentício. A própria pirâmide alimentar nos mostra essa realidade, embora ignorada por muitos.

piramide-alimentar-antiga

(mais…)

Continuar lendo Sobre vegetarianismo e senso comum